Amar-te.pt | FASHION | Loja Online | Calçado | Acessórios | Vestuário | Calçar português: Cubanas de Alcanena
57643
post-template-default,single,single-post,postid-57643,single-format-standard,qode-core-1.3,woocommerce-no-js,ajax_fade,page_not_loaded,,pitch-ver-2.3, vertical_menu_with_scroll,grid_1300,woocommerce_installed,blog_installed,wpb-js-composer js-comp-ver-5.5.2,vc_responsive

Calçar português: Cubanas de Alcanena

A marca Cubanas vende entre 70 a 80 mil pares de sapatos por ano.

A história do grupo But Fashion tem algumas particularidades: o nome é inglês, mas os fundadores são portugueses; são a empresa por de trás da marca Cubanas, mas não têm nenhuma fábrica; têm uma rede de lojas em Portugal e exportam para mais de 15 países.

António Marques, um dos sócios fundadores da But Fashion, enquadra a marca com a aplicação “da alegria e as cores do povo cubano ao conforto e à moda”.

Com sede em Alcanena, longe do centro nevrálgico da indústria de calçado nortenha, “as coleções são criadas por uma equipa de quatro designers, em articulação com a informação recolhida pela rede de lojas quanto à preferência dos clientes e às viagens pesquisa”. António Marques explica que esta articulação tem sido fundamental para o sucesso das marcas.

O fabrico das coleções é depois subcontratado à indústria nacional, localizada essencialmente na região Norte do país, que o empresário define como “uma excelente indústria, ao nível do melhor que se faz no mundo”.

O feedback dos clientes, maioritariamente mulheres, “confirma o êxito do projeto” e justifica uma maior aposta na marca em várias vertentes. Uma dessas apostas, é a criação de uma linha de acessórios, já há venda nas lojas.

Em menos de cinco anos de existência, a marca Cubanas vendia entre 70 a 80 mil pares de sapatos por ano, 90 por cento para o segmento feminino.

Fonte: https://lifestyle.sapo.pt/moda-e-beleza/dicas-e-tendencia/artigos/calcar-portugues-cubanas-de-alcanena